segunda-feira, 29 de janeiro de 2007

"Mil vezes mais contagiosos são a inconsciência, o egoismo e a cobardia."

Sabeis que dia foi comemorado ontem? O Dia Mundial da Pessoa atingida pela Lepra. O dia foi instituído em 1954 por Raoul Follereau (1903-1977), um cristão convicto, conhecido mundialmente pelo seu importante trabalho no combate à doença.
Não foi o dia mundial da doença ou de combate à doença… mas, o dia da pessoa portadora. Um sentido mais humano para a comemoração!
Além do título deste post, partilho convosco algumas palavras de Raoul Follereau:

"Amar sem agir não significa nada.”

"Aquilo que vos peço é muito pouco. Peço um avião bombardeiro a cada um, porque sei que este avião custa cinco milhões de francos. Eu calculei que com o dinheiro desses aparelhos de morte se poderiam curar todos os leprosos do mundo".
(Aos governantes dos E.U.A e da U.R.S.S)

“Dar sem amar é uma ofensa.”

“O tesouro que eu vos deixo, é o bem que não fiz.”

“A santidade é a graça de fazer humildes coisas sob o sinal da eternidade.”

1 comentário:

elsa nyny disse...

Amigo!!!

Gostei de ler!
Tudo o que referiste é contagioso, tudo isso que também se me permites pode resumir-se na indiferença...

Beijinhos!
:))