quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Essa noite venerável revestiu-se de esplendor

São Francisco de Assis, «três anos antes da morte resolveu celebrar com a maior solenidade possível a festa do Nascimento do Menino Jesus, ao pé da povoação de Greccio, a fim de estimular a devoção daquela gente. Mas para que um tal projecto não fosse tido por revolucionário, pediu para isso licença ao Sumo Pontífice, que lha concedeu. Mandou preparar uma manjedoira com palha, e trazer um boi e um burrito. Convocaram-se muitos Irmãos; vieram inúmeras pessoas; pela floresta ressoaram cânticos alegres...

Essa noite venerável revestiu-se de esplendor e solenidade, iluminada por uma infinidade de tochas a arder e ao som de cânticos harmoniosos. O homem de Deus estava de pé diante do presépio, cheio de piedade, banhado em lágrimas e irradiante de alegria. O altar dessa missa foi a manjedoira. Francisco, que era diácono, fez a proclamação do Evangelho. Em seguida dirigiu a palavra à assembleia, contando o nascimento do pobre Rei, a quem chamou, com ternura e devoção, o Menino de Belém. O Senhor João de Greccio, cavaleiro muito virtuoso e digno de toda a confiança, que abandonara a carreira das armas por amor de Cristo e dedicava uma profunda amizade ao homem de Deus, afirmou que tinha visto um menino encantador a dormir na manjedoira, e que pareceu acordar quando São Francisco fez menção de pegar nele nos braços. É crível que se tenha dado esta aparição: há o testemunho não só da santidade do piedoso militar, como a veracidade do próprio acontecimento e a confirmação que lhe deram outros milagres ocorridos depois: o exemplo de Francisco correu mundo e ainda hoje consegue excitar à fé de Cristo muitos corações adormecidos; a palha dessa manjedoira, conservada pelo povo, serviu de remédio miraculoso para animais doentes e de preservativo para afastar muitas pestes. Assim glorificava Deus o seu servo, e mostrava, com milagres indesmentíveis, o poder da sua oração e da sua santidade.»


São Boaventura , Legenda Maior (LM 10, 7)


«Ele, que era rico, fez-Se pobre por vossa causa,
para vos enriquecer pela sua pobreza.»

(2 Cor 8,9)


Um Santo Natal a todos!

4 comentários:

joaquim disse...

Meu amigo

Um Santo Natal para ti e todos os teus.

Abraço amigo em Cristo do
Joaquim

Ver para crer disse...

Passo para desejar um Bom Natal.
E também para dizer que mudei de casa.
Agora estou em http://vejaparacrer2.blogspot.com, ainda com o nome de Ver para Crer.
Boas Festas!

Kenosis disse...

Caro irmão em Cristo, que nossa alma seja altar sempre preparado para recebê-Lo e acolhê-Lo, um altar onde todos possam reconhecê-Lo e adorá-Lo, um altar onde possamos, nós e todos os irmãos, amá-Lo a cada instante que nasce em nossas vidas! Desejo a si, irmão, e a todos os seus, um Santo, Frutuoso e Abençoado Natal, pleno do nosso Deus que é Amor! Abços fraternos in Domino et Maria semper!

Maria João disse...

Um óptimo 2009 com Cristo e Maria!

beijos